Blog Esportivo do Suiço

Blog Esportivo do Suiço

domingo, 25 de junho de 2017

Federer dá show, atropela Zverev e chega ao 9º troféu de Halle

O suíço Roger Federer guardou para a final o melhor tênis da semana. Com atuação precisa, atingiu histórico 9º troféu na grama de Halle, ao superar o alemão Alexander Zverev, 15 anos mais jovem e número 12 do ranking, por 6/1 e 6/3, em apenas 52 minutos de duelo.

Sem perder set em Halle, Federer conquista assim seu quarto título da temporada em quatro finais disputadas, repetindo Melbourne, Indian Wells e Miami. Torna-se o mais velho campeão do torneio alemão, aos 35 anos e 10 meses, e embolsa mais 395 mil euros.

Federer aumenta assim seu recorde na Era Profissional para 16 títulos sobre grama, somando-se os sete em Wimbledon, e se vinga da derrota sofrida para Zverev na semifinal de Halle do ano passado.

Federer é agora, ao lado de Rafael Nadal, o único profissional com pelo menos nove troféus num único torneio. O espanhol tem 10 em três (Monte Carlo, Barcelona e Roland Garros). Este foi seu 92º título em 140 finais na carreira, agora apenas dois atrás de Ivan Lendl, mas distante dos 109 de Jimmy Connors.

Zverev tentava ser o primeiro jogador deste ano a ter um troféu em três pisos diferentes, já que vinha das conquistas de Montpellier, Munique e Roma. Além disso, deixou escapar a chance de voltar ao top 10 e permanecerá como 12º colocado. Mais tarde tentará o título de duplas ao lado do irmão Mischa contra Marcelo Melo e Lukasz Kubot.

Rossi segura ímpeto de Petrucci em Assen e vence primeira em 2017

Nove vezes campeão do mundo, Valentino Rossi não precisa mais provar a ninguém que é um dos pilotos maiores pilotos da história do motociclismo. Quem ainda duvidava, viu o italiano de 38 anos de idade vencer uma corrida apoteótica neste domingo na Holanda.

Há um ano sem vencer uma prova, o piloto teve sangue frio para resistir às pressões de Márquez, Zarco e, principalmente, Danilo Petrucci para vencer pela 115ª vez desde o início de sua carreira no mundial, no longínquo ano de 1996.

A prova foi marcada por uma garoa intermitente na segunda metade da corrida. Alguns pilotos foram para os boxes, mas quem foi acabou sendo prejudicado, já que a chuva de fato nunca veio.

sábado, 24 de junho de 2017

Castroneves fatura 50ª pole e sai na frente em Road America

Helio Castroneves fez bonito neste sábado em Road America. O piloto paulista conquistou a terceira pole position do ano ao cravar 1min41s3007 no Fast Six, superando Will Power, que vinha sendo o mais veloz até o minuto final do treino. Helinho liderou a quadra da Penske, que também contou com Josef Newgarden e Simon Pagenaud nas posições seguintes.

Se deu tudo certo para a Penske, não se pode dizer para o carro #10 da Chip Ganassi de Tony Kanaan. O baiano ficou pelo caminho logo na primeira parte e terá que se conformar em largar na 16ª posição na prova deste domingo.

A etapa de Road America será realizada neste domingo, às 14h, horário de Brasília.

Sport aproveita vacilo de zagueiro do Santos e vence a primeira como visitante

O Santos teve uma noite para se esquecer neste sábado, diante do Sport, na Vila Belmiro. Com moral alto após somar quatro vitórias e um empate nos cinco jogos anteriores, os donos da casa perderam gols feitos com Kayke e, principalmente, Jean Mota, pouco conseguiram criar e viram os pernambucanos marcarem o único gol da partida em lance infeliz do zagueiro Noguera. Já no fim da partida, ele “entregou” a bola nos pés de Osvaldo, livre dentro da pequena área.

Com o resultado, o Peixe perde uma invencibilidade de cinco jogos, construída desde a saída de Dorival Júnior, com quatro vitórias e um empate, estacionando nos 16 pontos conquistados. O Leão, por sua vez, chega aos 12, deixa a zona de rebaixamento e ganha um alívio após o início errante de Luxemburgo no cargo de técnico, somando sua primeira vitória dentro da Vila em toda a história.

Na próxima rodada do Brasileiro, os comandados de Levir Culpi terão pela frente o Atlético-GO, no estádio Olímpico, em Goiãnia, às 19h (de Brasília) do sábado, dia 1º de julho. Antes, porém, têm um compromisso contra o Flamengo, quarta-feira, às 21h45, na Ilha do Urubu, pela Copa do Brasil. Já Vanderlei Luxemburgo e sua trupe retornam para a Ilha do Retiro, local da partida de domingo, dia 2 de julho, contra o Atlético-PR.

Após começar perdendo por 2 a 0, Londrina empata com o Juventude

Nos minutos finais, o Londrina lutou, se dedicou e buscou o empate, com um a menos, diante do Juventude, dentro do Estádio do Café. O time gaúcho abriu 2 a 0, com gols de Wallacer e Ramon, ambos na segunda etapa. O Tubarão foi buscar, diminuiu com Fabinho e, aos 45 do segundo tempo, Jonatas Belusso deixou tudo igual. Empate com gosto de vitória para o Alviceleste e amargo para o Alviverde.

Com o empate, o Juventude se mantém na liderança isolada da Série B, com 19 pontos. Mas pode ser alcançado em pontuação pelo Guarani, que entra em campo logo mais, contra o lanterna Náutico, no Brinco de Ouro, e ser superado no número de vitórias. Já o Londrina não engrena como mandante e é apenas o 12º, com 13 pontos.

Na próxima rodada, o Juventude irá receber, no Alfredo Jaconi, o Goiás, na terça-feira, às 19h15 (de Brasília). No mesmo dia, o Tubarão viaja até Santa Catarina para encarar o Figueirense, no Orlando Scarpelli, às 21h30 (de Brasília).

Brasil vence Uruguai, vai à final do Pan e se garante no Mundial

Uma vitória, dois objetivos conquistados. As meninas da seleção brasileira de handebol bateram o Uruguai na tarde deste sábado e não alcançaram apenas a vaga na final do Pan-Americano disputado em Buenos Aires, na Argentina. Ao triunfar por 42 a 23 (25 a 8 no primeiro tempo) o grupo também carimbaram um lugar no Mundial da Alemanha, em dezembro deste ano. No domingo, o Brasil encara Argentina na decisão, às 16h15 (horário de Brasília). As hermanas venceram o Paraguai por 29 a 19 na outra semifinal.

Com dez gols, a ponteira Samira Rocha foi a artilheira da partida que teve o domínio brasileiro o tempo inteiro, principalmente na primeira etapa, quando o grupo praticamente selou a vitória ao abrir 17 gols de diferença. Com cinco gols, Jéssica Quintino e Mayara também tiveram destaque.

A campanha do Brasil, até aqui, é de 100% de aproveitamento, com cinco vitórias em cinco jogos. Além do triunfo sobre as uruguaias na semi, a seleção passou por Estados Unidos (42 a 10), Colômbia (46 a 12), Paraguai (29 a 15) e Porto Rico (40 a 15) na fase de grupos, avançando na liderança da chave A. Agora, vai em busca da última vitória para terminar o Pan invicto.

Inter vence o Brasil-Pel fora de casa, afasta pressão e volta ao G-4

O Inter deixou um ambiente de pressão total em Porto Alegre e rumou ao Rio Grande do Sul em busca de uma vitória sobre o Brasil de Pelotas para apaziguar uma semana atribulada por protestos da torcida. E conseguiu. Neste sábado, o Colorado bateu o Xavante por 1 a 0, no Bento Freitas, pela 10ª rodada da Série B, e retornou ao G-4 da competição. Fabinho anotou o gol de um triunfo que abre caminho para a recuperação colorada na tabela.

No Bento Freitas, o Inter enfim conseguiu que se impor em campo, com uma atuação de grande volume ofensivo. O desempenho, aliás, deixa as duas atuações anteriores, de apatia pura, no passado. Como os números comprovam: foram 12 conclusões em 45 minutos, contra um total de 10 nos últimos dois compromissos. Ao todo, foram mais de 20 finalizações na partida, de acordo com o Footstats.

Com a vitória fora de casa, o Inter encerra uma série de três empates e volta ao G-4 da Série B. O Colorado ocupa a 3ª colocação, com 17 pontos. O Brasil de Pelotas, porém, cai três posições e é nono com 14.

As duas equipes terão pela frente uma semana livre apenas para treinamentos e só voltam a campo pela 11ª rodada da competição no próximo sábado. O Colorado recebe o Boa Esporte, às 16h30, no Beira-Rio. O Xavante, por sua vez, encara o América-MG, às 19h, no Independência.

Chuva interrompe semifinal de duplas de Soares em Queen's

O mineiro Bruno Soares poderá ter domingo cheio. Sua partida de semifinal de duplas no ATP 500 do Queen's Club foi interrompida nos momentos decisivos do segundo set, quando ele e o parceiro Jamie Murray tentavam levar a decisão da partida para o match-tiebreak.

Depois de perderam o primeiro set para o croata Marin Cilic e o polonês Marcin Matkowski, por 1/6, os cabeças 3 reagiram e tinham o saque a favor e 5/3 para fechar a segunda série. Mas no momento que o placar estava 40-40, assim tanto com set-point como com break-point em jogo, a chuva voltou a Londres e forçou a suspensão para o domingo.

O problema é que Cilic está também na final de simples, que tem prioridade. Assim, a programação começará como o jogo dele e o espanhol Feliciano López. Após descanso regulamentar, haverá o complemento da semi. E os vitoriosos ainda terão de fazer a decisão de duplas mais tarde diante dos franceses Julien Benneteau e Edouard Roger-Vasselin.

Cilic e López decidem na grama de Queen's

O croata Marin Cilic disparou 20 aces e ganhou 91% dos pontos em que acertou o primeiro saque para derrotar o canhoto Gilles Muller, por 6/3, 5/7 e 6/4, e alcançar assim sua terceira final no Queen's Club. Campeão em 2012 e vice em 2013, quando o torneio ainda era um ATP 250, ele enfrentará outro canhoto, o espanhol Feliciano López, que superou uma tarde chuvosa para derrotar o búlgaro Grigor Dimitrov, por 7/5, 3/6 e 6/2.

O croata de 28 anos irá subir uma posição e recuperar o número 6 do ranking. Ele buscará o 18º troféu da carreira e o segundo da temporada, depois do saibro em Istambul.

López por sua vez irá disputar a segunda final consecutiva na grama, depois de ter sido vice em Stuttgart no domingo passado. Aos 35 anos, ele faz a 17ª final da carreira mas tem saldo negativo, tendo conquistado cinco dessas oportunidades. A mais recente foi no saibro de Gstaad, em julho do ano passado. Ele subirá ao 28º lugar do ranking e garante assim a condição de cabeça de chave em Wimbledon.

Darlan Romani bate mais um recorde e é campeão sul-americano em Assunção

Depois de conquistar medalha de ouro no Troféu Brasil, o arremessador de peso, Darlan Romani, embarcou para o Paraguai, nesta semana, e marcou 21,02 m — novo recorde da competição. O catarinense atingiu a distância na manhã deste sábado, no Campeonato Sul-Americano de Assunção, no Estádio Olímpico Paraguaio.

Recordista continental, com 21,82 m, Darlan garantiu a medalha de ouro da prova. O pódio foi completado com o também brasileiro Willian Dourado, que fez 19,95 m, e com o argentino Germán Lauro — ele marcou 19,57 m.

Portugal goleia Nova Zelândia e avança como líder do Grupo

Como já era de se esperar, Portugal avançou às semifinais da Copa das Confederações como líder de seu grupo. Neste sábado, os atuais campeões europeus confirmaram o favoritismo e derrotaram com facilidade a frágil Nova Zelândia, por 4 a 0, na Arena Zenit, em São Petersburgo, na Rússia, com gols de Cristiano Ronaldo, Bernardo, André Silva e Nani.

Com o resultado, os portugueses chegaram aos sete pontos ganhos, mesma marca atingida pelo México, que venceu a Rússia, por 2 a 1, de virada, em Kazan. No entanto, os europeus terminaram com a ponta do Grupo A por ter um sado de gols melhor (5 a 2). A Nova Zelândia, por sua vez, se despede do torneio na lanterna da chave, sem ter somado nem sequer um ponto.

Em sua primeira participação na Copa das Confederações, Portugal agora aguarda a última rodada do Grupo B, neste domingo, para conhecer seu adversário nas semifinais, que será o segundo colocado da chave. 

É provável, porém, que encare Chile ou Alemanha na fase subsequente – europeus e sul-americanos dividem a liderança da chave, com quatro pontos -, na quarta-feira, às 15 horas (de Brasília), na Arena Kazan.

México vira sobre a Rússia, garante vaga na semi e elimina anfitriões

O México levou um susto, mas venceu a Rússia e confirmou sua vaga nas semifinais da Copa das Confederações. Em Kazan, neste sábado, o time de Juan Carlos Osorio fez 2 a 1 nos anfitriões, eliminando a equipe da casa. Samedov fez o primeiro, mas Araujo e Lozano viraram o placar.

Com o resultado, o time da América do Norte chegou a sete pontos no grupo A, confirmando a vaga. Porém, como Portugal fez 4 a 0 na Nova Zelândia, a equipe caiu para segundo lugar da chave, por conta do saldo de gols. Os anfitriões, por sua vez, pararam nos três, se despedindo da competição.

Agora, o México espera a definição do grupo B para saber quem encara na semifinal. O que os comandados de Osorio sabem é que a partida será na próxima quinta-feira, em Sochi. Aos russos resta seguir a preparação por mais um ano, até o início da Copa do Mundo, em junho de 2018.

Zverev repete a final em Halle e desafia o ídolo Federer

Pelo segundo ano consecutivo, o alemão Alexander Zverev vai tentar o título em casa. Ele conseguiu grande virada em cima do francês Richard Gasquet, com parciais de 4/6, 6/4 e 6/3, e decidirá o ATP 500 de Halle contra aquele que considera seu maior ídolo, o suíço Roger Federer.

Este será o terceiro encontro oficial e o quarto no geral entre eles. Federer, 35 anos, venceu no saibro de Roma no ano passado, mas depois perdeu na semifinal justamente de Halle. O garoto de 20 anos também venceu o suíço na exibição da Copa Hopman deste ano.

Em grande momento, Zverev buscará o quarto título desta temporada, depois de Montpellier (em cima de Gasquet), Munique (sobre Guido Pella) e Masters de Roma (contra Novak Djokovic). No total, o alemão já tem quatro ATPs na curta carreira. No ano passado, perdeu a final de Halle para o compatriota Florian Mayer.

Hamilton supera Bottas e conquista pole 66 na F1; Massa é 9º

Lewis Hamilton conquistou a 66ª pole position de sua carreira neste sábado (24) em Baku. O piloto, em segundo até a última tentativa no Q3, foi 0s434 mais veloz que seu parceiro Valtteri Bottas na última volta rápida da classificação. Com o bom domínio do treino Hamilton agora está a duas poles do recorde histórico de poles de Michael Schumacher.

Atrás das duas Mercedes vieram as duas Ferraris, com Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel. O alemão, que não vem em bom final de semana, não conseguiu superar o parceiro e irá largar na quarta colocação.

Felipe Massa, por sua vez, sairá em nono, após marcar 1min42s798. O brasileiro foi superado pelo seu companheiro de Williams, Lance Stroll, que fez o oitavo melhor tempo, 1min42s753.

Paysandu anuncia Marquinhos Santos como novo treinador

O Paysandu tem novo técnico. Marquinhos Santos, de 38 anos, foi oficializado na manhã deste sábado como comandante do Papão na sequência da disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Ele desembarca em Belém na próxima segunda-feira para assumir o cargo.

O último trabalho do treinador havia sido no Fortaleza, de onde saiu no início de maio. No Pará, ele chega para substituir Marcelo Chamusca, que aceitou proposta para ir para o Ceará, também na segunda divisão nacional.

Santos tem passagens por diversos clubes do futebol nacional, como Coritiba, Bahia e Figueirense. Ele também foi técnico da Seleção Brasileira, nas categorias sub-15 e sub-17.

Zarco supera Márquez e conquista primeira pole na MotoGP em Assen; Rossi é 4º

O francês Johann Zarco surpreendeu a todos neste sábado (24) na Holanda. Com o asfalto molhado, o piloto da equipe Tech3 Yamaha cravou sua primeira pole position na MotoGP e sua 16ª no Mundial de Motovelocidade. O bicampeão da Moto2 anotou o tempo de 1min46s141 com o cronômetro zerado, superando o atual tricampeão da MotoGP, Marc Márquez.

Danilo Petrucci irá completar a primeira fila, com a primeira Ducati. Atrás do italiano larga seu compatriota, Valentino Rossi. O piloto da Yamaha levou mais de 0s5 da Yamaha de 2016 do pole Johann Zarco.

Federer vence duelo contra russo e vai à final em Halle pela 11º vez

Apesar de começo instável, dois serviços quebrados e dois set-points evitados, o suíço Roger Federer superou o pouco experiente Karen Khachanov, russo de 21 anos que disputou seu primeiro torneio sobre a grama, e garantiu lugar em sua 11ª final no ATP 500 de Halle. O cabeça 1 marcou 6/4 e 7/6 (7-5) sobre o 38º do ranking, após 84 minutos.

Federer irá em busca do nono troféu em Halle em 13 participações e aumentar seu recorde para 16 conquistas sobre quadras de grama, somando-se aos sete triunfos que tem em Wimbledon. Seu adversário sai do duelo entre o alemão Alexander Zverev, para quem perdeu na semi do ano passado, e o francês Richard Gasquet.

O suíço atingiu também a 58ª vitória em Halle, que é o sexto torneio em que mais coleciona sucesso ao longo da carreira. Ele tem 87 na Austrália, 84 em Wimbledon, 78 no US Open, 65 em Roland Garros e 61 na Basileia.

Kvitova joga apenas oito games e avança à final em Birmingham

Petra Kvitova está de volta à disputa de títulos, e sobre sua superfície preferida. Ela precisou de apenas oito games para se classificar no Premier de Birmingham, depois que a também canhota e tcheca Lucie Safarova abandonou a disputa quando já perdia por 6/1 e 1/0.

Safarova disputou uma longa quartas final de mais de três horas na sexta-feira e sofreu com um estiramento muscular na coxa direita. Desistiu da dupla para tentar se recuperar, mas teve pouca movimentação no jogo deste sábado.

Sua adversária sai do duelo entre a espanhola e cabeça 6 Garbine Muguruza e a surpresa australiana Ashleigh Barty, de 21 anos e apenas 77ª do ranking.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Falcão faz dois, Sorocaba vence Tubarão e assuma a ponta da LNF

O Sorocaba é o novo líder da Liga Nacional de Futsal. Nesta sexta-feira, a equipe paulista recebeu o Tubarão, na Arena Sorocaba, em jogo da 10ª rodada da LNF, e se aproveitou de uma boa atuação do experiente Falcão, que marcou dois gols, para vencer por 3 a 1 e assumir a ponta da competição. 

Com o resultado, o Sorocaba chegou aos 19 pontos, assumindo a liderança da LNF ao ultrapassar o Foz Cataratas, que ficou com 17. A equipe paranaense, porém, ainda tem um jogo a menos. Já o Tubarão é o vice-lanterna da competição, com apenas cinco pontos.

Semifinais do Brasileiro Feminino começam dia 29 de junho

O Campeonato Brasileiro Feminino Série A-1 está chegando à reta final. Das 16 equipes que começaram o campeonato, quatro seguem lutando pelo título e a bola está pronta para rolar nas semifinais. Nesta sexta-feira (23), a Diretoria de Competições da CBF divulgou as datas, horários e locais das partidas que decidem os finalistas. 

Os jogos de ida serão na próxima quinta-feira, dia 29 de junho. Rio Preto/SP x Corinthians será às 17h, no Anísio Haddad, em São José do Rio Preto (SP). Iranduba e Santos se enfrentam às 21h, na Arena da Amazônia, em Manaus. Eles voltam a se encontrar no dia 5 de julho, 19h, na Vila Belmiro. A decisão da vaga entre Corinthians e Rio Preto/SP será no dia 6, 19h, na Arena Barueri. 

A grande final do Brasileiro Feminino A-1 será nos dias 12 e 19 de julho.

Andressa Morais conquista ouro no disco em Assunção e quebra recorde continental

O Brasil seguiu tendo bons resultados na tarde desta sexta-feira no Campeonato Sul-Americano de atletismo. A principal conquista do dia veio na disputa do disco. A brasileira Andressa Oliveira de Morais conseguiu a marca de 64,68 m na disputa no Estádio Comitê Olímpico Paraguaio, em Assunção, e garantiu não só a medalha de ouro, mas também o recorde continental e o índice para o disputa do Mundial de Londres, que será realizado em agosto. A prata na categoria ficou com a gaúcha Fernanda Borges, com 60,80 m, e o bronze com a chilena Karen Gallardo, que teve 59,73 m.

Fratus fatura ouro nos 50m em torneio na Itália; Cielo é quinto

Nesta sexta-feira, o Brasil conquistou duas medalhas na disputa do Trofeo Sette Colli, realizado em Roma, na Itália. Bruno Fratus e Etiene Medeiros tiveram bons desempenhos na piscina e subiram ao pódio. A competição serve como preparação para o Mundial da modalidade, que acontece em julho. 

Na disputa dos 50m livre, Bruno Fratus conquistou o ouro ao terminar com 21s86. A prata ficou com o britânico Ben Proud, com 21s95, e o bronze com o australiano Cameron McEvoy, com 21s96, já que Cesar Cielo foi o quinto colocado, com 22s20.

Já nos 50m costas, Etiene Medeiros conquistou a medalha de prata. A nadadora terminou com o tempo de 27s82, sendo superada apenas pela australiana Holly Barratt, com 27s57. O bronze foi para a tcheca Simona Baumrtova, com 27s89.

Brasil fatura duas medalhas no salto em altura no Sul-Americano

Nesta sexta-feira foi realizado o primeiro dia de disputas do Campeonato Sul-Americano de atletismo, que está sendo realizado em Assunção, no Paraguai, e vai até domingo. O Brasil conquistou quatro medalhas, com destaque para o salto em altura.

O Brasil conquistou duas medalhas no salto em altura: prata e bronze. Talles Frederico Silva conseguiu a marca de 2,28m e ficou com o segundo lugar, enquanto Fernando Ferreira anotou 2,19m e terminou em terceiro.

No salto com vara, o Brasil também conquistou medalha. Joana Costa conseguiu 4,20m e levou a prata, sendo superada pela venezuelana Rosbeilys Peinado, com 4,50m. Por fim, no lançamento de disco, Douglas Junior ficou com o bronze, conseguindo 58,83m.

Vitória treina em campo sintético e divulga lista de relacionados para enfrentar o Atlético-PR

Buscando se preparar da melhor maneira possível para o confronto contra o Atlético-PR na Arena da Baixada, no domingo, o Vitória realizou um treinamento em grama sintética, no CT Manoel Pontes Tanajura, nesta sexta-feira.

Depois da atividade na manhã da sexta, o treinador do Leão da Barra convocou 20 atletas para viajar para Coritiba. A grande novidade foi o zagueiro Ramon, que estava treinando normalmente após retornar de empréstimo ao Maccabi Tel Aviv e esperava ter sua situação regularizada.

Goleiros: Caique e Fernando Miguel
Laterais: Thallyson, Leandro Salino, Patric e Geferson
Zagueiros: Ramon, Fred, Kanu e Renê Santos
Volantes: Uillian Correia e Willian Farias
Meias: Yago, Cleiton Xavier e Gabriel Xavier
Atacantes: André Lima, Kieza, Paulinho, David e Neilton

Zverev vira e tenta segunda final seguida em Halle

Apoiado pela torcida, o alemão Alexander Zverev está pelo segundo ano seguido na semifinal do ATP 500 de Halle. Vice do ano passado, quando caiu diante de Florian Mayer, o cabeça 4 superou de virada o espanhol Roberto Bautista, por 6/7 (6-8), 7/6 (7-1) e 6/1.

Seu adversário desta sexta-feira será o experiente francês Richard Gasquet, um verdadeiro especialista sobre grama, mas que não entrou de cabeça de chave por ocupar no momento o 30º lugar do ranking. Ele também teve jogo de altos e baixos antes de superar o holandês Robin Haase, com placar de 6/1, 3/6 e 6/1.

Zverev já tem três títulos nesta temporada, tendo vencido tanto o piso sintético como no saibro, incluindo o Masters de Roma. Ele pode retornar ao top 10 em caso de erguer o troféu em Halle e desde que Grigor Dimitrov não seja campeão em Queen's.